VOLTAR
O que o Novo CPC influenciou na sua petição Inicial - Geral

O que o Novo CPC influenciou na sua petição Inicial

  Por  

Influências do Novo CPC na sua petição Inicial

Podemos começar pelo que traz o Art. 319 do CPC/15, no qual dispõe que "a petição inicial indicará o juízo a que é dirigida".

Com isso, o usual "Exmo. Juiz" passa a ser "Ao Juízo", diferente não?

Outro detalhe bem peculiar é a exigência expressa da indicação de e-mail do Autor e Réu, o que em alguns cadastramentos do sistema eletrônico, a ausência deste dado impede a continuidade do peticionamento.

Apresento abaixo um breve modelo de petição inicial com alguns destaques e cuidados na elaboração da peça.

Interessante conhecer este e outros modelos disponibilizados no portal Modelo Inicial.


AO JUÍZO DA VARA DA COMARCA DE_____

Obs.1 - COMPETÊNCIA: Verificar competência relativa à matéria: Cível, JEC, Fazenda Pública, Criminal, Família e Sucessões, etc. Trata-se de competência absoluta, definindo, inclusive, o local da distribuição da ação, como Justiça Estadual, Federal, Trabalhista, etc. Competência territorial atentar ao previsto nos arts. 42 a 53 do CPC

(NOME COMPLETO), (estado civil), (existência de união estável), (profissão), inscrito no CPF sob nº XX, residente e domiciliado na (Endereço completo), (e-mail), vem à presença de Vossa Excelência, por seu representante constituído propor

AÇÃO XXX C/C PEDIDO LIMINAR

em face de (NOME COMPLETO), (estado civil), (existência de união estável), (profissão), inscrito no CPF sob nº XX, residente e domiciliado na (Endereço completo), (e-mail), pelos fatos a seguir:

I - PRELIMINAR - DA TRAMITAÇÃO PRIORITÁRIA

Inicialmente cumpre esclarecer que o Autor é pessoa idosa, contando com mais de 60 (sessenta) anos conforme prova que faz em anexo, razão pela tem direito à prioridade da tramitação da presente demanda, nos termos da Lei nº 10.741/2013 (Estatuto do Idoso) e do art. 1.048, inciso I, do CPC.

II - DOS FATOS

Obs.2: Narrar os fatos de forma sucinta com todos os elementos indispensáveis à conclusão do direito. Evite repetir informações, afinal, o judiciário está lotado. Poupe o tempo do julgador, utilize tópicos, imagens, enfim, permita que ele visualize o que é importante no processo.

III - DO DIREITO

Obs.3: Neste tópico iniciar separando os tópicos da argumentação. Quanto mais objetivo, melhor. Em cada um deles, elencar o arcabouço legal que ampara o pedido. Se houver controvérsias, elenque decisões judiciais que tenham analisado fatos iguais ou muito próximos ao relatado, com a mesma base e direito de pedir. Se houver jurisprudência, melhor. Sendo muito necessário criar um conceito, ou, aplicar um novo entendimento ao que usualmente é aplicado, trazer doutrina que reforce a tese.

IV - DAS PROVAS QUE PRETENDE PRODUZIR

O Autor pretende instruir seus argumentos com as seguintes provas:

a) depoimento pessoal do Réu, para esclarecimentos sobre xxx;

b) ouvida de testemunhas, cujo rol será depositado em Cartório na devida oportunidade,

c) a juntada dos documentos em anexo, em especial xx;

d) reprodução cinematográfica a ser apresentada em audiência nos termos do Parágrafo Único do art. 434 do CPC;

e) análise pericial da xxx;

Obs.4 - PROVAS: Incumbe à parte instruir a petição inicial com todos os documentos destinados a provar suas alegações. Art. 434. CPC. Só serão admitidos documentos posteriormente se devidamente provada a inacessibilidade há época da distribuição. Art. 435, Parágrafo Único.

V - DA TUTELA DE URGÊNCIA

Obs.5: Neste tópico, devem ser tratados pontualmente os requisitos das tutelas provisórias e de urgência previstas nos arts. 294 a 311 do CPC.

DA PROBABILIDADE DO DIREITOComo ficou perfeitamente demonstrado, o direto do Autor é caracterizado pelo (indicar a evidência do direito).

DO RISCO AO RESULTADO ÚTIL DO PROCESSOTrata-se de (indicar situação de emergência), ou seja, tal circunstância confere grave risco de perecimento do resultado útil do processo.

Diante de tais circunstâncias, é inegável a existência de fundado receio de dano irreparável, sendo imprescindível a (indicar o pedido liminar pleiteado), nos termos do Art. 300 do CPC.

VI - DA TUTELA DE EVIDÊNCIA

Nos termos do Art. 311, a tutela da evidência será concedida, independentemente da demonstração de perigo de dano ou de risco ao resultado útil do processo”quando preenchido alguns requisitos, previstos em seus incisos, quais sejam:

DO ABUSO DE DIREITO – inciso I: Conforme demonstrado, o Réu cometeu abuso de direito ao xxxx (indicar ato específico de abuso de direito).

MANIFESTO PROPÓSITO PROTELATÓRIO DA PARTE – inciso I: Conforme conduta do Réu, ficou caracterizado o intuito protelatório ao xxxx.

PROVA DOCUMENTAL PRÉ-CONSTITUÍDA - incisos II e IVPara fins de comprovação de seu direito, junta-se à presente ação os seguintes documentos como prova suficiente do direito: xxx (indicar documentação juntada)

TESE FIRMADA EM JULGAMENTOS REPETITIVOS E SÚMULA VINCULANTE – inciso II: Trata-se de matéria já visitada em sede de recursos repetitivos conforme julgados nºs xxxx.

MANIFESTAÇÃO E DOCUMENTAÇÃO DO RÉU - inciso IVPela documentação já apresentada pelo Réu tem-se de forma inequívoca presente sua manifestação sobre a matéria em tela.

Posto isso, requer ordem liminar inaudita altera parte, nos termos do art. Parágrafo Único, inciso II, do CPC, ordem para xxxx (indicar o pedido)

VII - DA JUSTIÇA GRATUITA

O Autor encontra-se desempregado, não possuindo condições financeiras para arcar com as custas processuais sem prejuízo do seu sustento e de sua família, conforme declaração de hipossuficiência, cópia dos seus contracheques e certidão de nascimento dos filhos que junta em anexo.

Por tais razões, com fulcro no artigo LXXIV da Constituição Federal e pelo artigo 98 do CPC, requer seja deferida a AJG ao requerente.

DOS PEDIDOS

Obs. 6: Indicar expressamente o pedido e os reflexos advindos do pedido. Não existe consequência lógica no mundo jurídico. Se duas ações são necessárias, as duas devem estar expressas no pedido. Se houver receio no cumprimento, pedir astreintes.

Por todo o exposto, REQUER:

a) A concessão da gratuidade de justiça, nos termos do art. 98 do Código de Processo Civil;

b) O deferimento da medida liminar/antecipação de tutela, etc, para xxx

c) A citação do Réu para responder, querendo;

d) A total procedência da ação para xxxx;

d.1) Cumulativamente requer xxxx (É lícita a cumulação, em um único processo, contra o mesmo réu, de vários pedidos, ainda que entre eles não haja conexão. Atentar aos requisitos do § 1º do Art. 327)

d.2) Subsidiariamente, caso assim não entenda, requer xxxx (É cabível o pedido subsidiário, a fim de que o juiz conheça do posterior, quando não acolher o anterior – art. 126CPC)

e) A produção de todas as provas admitidas em direito, em especial a xxxx

f) Seja requisitada à Repartição Pública a emissão de certidão xxxx, necessária à comprovação do direito aqui pleiteado nos termos do art. 438 do CPC;

g) A condenação do réu ao pagamento de honorários advocatícios nos parâmetros previstos no art. 85, § 2º do CPC;

h) Desde já manifesta seu interesse na audiência conciliatória, nos termos do Art. 319, inc. VII do CPC.

Dá-se à causa o valor de R$ xxxx

Obs.7 - VALOR DA CAUSA: O valor da causa deve corresponder ao benefício pecuniário auferido com o deferimento da ação. Quando se tratar de valor inestimável, deve ser consultado o valor de alçada de cada região. Art. 292 CPC

Nestes termos, pede deferimento

Advogado OAB/UF xx. Xxx

ANEXOS

  1. Documentos de identidade do Autor, RG, CPF, Comprovante de Residência
  2. Procuração
  3. Declaração de Pobreza
  4. Provas da ocorrência
  5. Provas da tentativa de solução com o réu
  6. Provas da negativa de solução

Para encontrar esta peça acesse: https://modeloinicial.com.br/modelo/11000627/Peticao-Geral-Novo-CPC


Abraço!

ARTIGO REFERENTE AO MODELO

Petição Inicial - Novo CPC

Publicado por Modelo Inicial em 26/05/2018.

  CADASTRE-SE GRÁTIS

Cadastre-se para receber conteúdos da área Geral e poder comentar esse artigo.

Comentários

o que se deve escrever na parte legitimidade?
Responder
@Gabriel paraizo:
Olá Dr! Ao  clicar sobre a palavra legitimidade aparece no canto inferior direito uma breve explicação sobre o preenchimento.  No referido caso, consta a necessidade de "Indicar o vínculo do Autor ao pleito, demonstrando a sua legitimidade como Autor."
Responder
Adorei!!!
Responder
Uma grande injeção ao conhecimeto de nós advogados contribuindo para melhoria de nossos expedientes judiciais. Continuem.
Responder
;)
Responder
MUITO BOM, AJUDOU BASTANTE ! 
Responder
Penso ter achado uma bússola para os novos "detalhes" da inicial, segundo o NCPC.
Responder
muito bom
Responder
PARABÉNS! MARAVILHOSA COLABORAÇÃO.
Responder
Muito esclarecedor o modelo da inicial. Deveras, um norte para que possamos peticionar com mais clareza e conhecimento.
Responder
Excelente site! Parabéns..
Responder
No tocante a qualificação das partes, falta o endereço eletrônico.
Responder
@Junior Melo:
Prezado Dr. obrigado pela colaboração! O endereço eletrônico consta em um dos campos de preenchimento. Dentro dele consta a orientação de preenchimento para constar o e-mail. Mas, sua manifestação foi muito útil para indicamos também na redação para não ter esquecimento. 
Responder
muito bom o site tô gostando!
Responder
Ótimas dicas!
Responder
A elaboração das primeiras peças sempre traz insegurança. Ótimas orientações, fundamentadas ainda ... Sem palavras. Nos estudantes agradecemos 
Responder
Parabenizo pelo conteúdo, ressalto, é um modelo genérico, basta aos interessados adaptar conforme o caso.
Responder
Muito bom o trabalho, minha duvida seria que o NCPC tivesse mudado a forma de se submeter como a Patricia Ribas falou, trocar o juiz pelo juizo.
Responder
Olá! Interessante o método de submetermos melhorias nas peças! Sugeri alterar o "Meritíssimo" por simples "Ao Juízo" pois, smj, no meu entendimento Juízo é o órgão jurisdicional para conhecer da demanda, assim, Juízo não é pessoa para receber o "meritíssimo" que se trata de pronome de tratamento pessoal.
Responder
@Patrícia Ribas:
Patrícia, muito bem colocado, mas, acredito que não seja errado indicar um pronome de tratamento ao Juízo, considerando tratar-se de um colegiado ou composição de pessoas. De toda forma, acredito pouco importar ao objetivo pleiteado.
Responder
Muito legal a ideia do trabalho caborativo! Muito bom! 👊👊
Responder
Muito bom o site! Parabéns.
Responder
Parabéns pelo trabalho! 
Responder
MODELOS RELACIONADOS